Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ponte Instantânea

… que prometia ser mais segura.

Ponte Instantânea

… que prometia ser mais segura.

As guerras civis: o segundo período da guerra civil

A romanização do atual território português

Setembro 03, 2020

De-Triunviratos-y-TroikasPrimer-Triunvirato.png

Em 59 a.C., Marco Crasso, Cneio Pompeio e Júlio César celebram um acordo para a partilha do Poder entre si.

Roma antica civilização ocidental

Partilha de território sob a administração romana.

Reino de Clio: CÉSAR x POMPEU - O CONFRONTO FINAL!

César venceu o seu rival Cneio Pompeio na Batalha de Farsália, na Macedónia, no ano 48 a. C.

Battle of Munda | História antiga, Império romano, Aníbal barca

Em 47 a.C. os filhos de Pompeio desembarcam na Hispânia e reacenderam a guerra contra César. E no ano 45 a.C., sangrenta e decisiva, esta batalha marcou o definitivo triunfo de César.

Pablo Aluísio: Augusto

César é assasinado em Roma no ano 44 a.C. e o filho adotivo de César, Octaviano (27 a.C.) assume o poder vitalício em Roma e adota o título de Augusto. A fórmula autocrática do poder triunfara. 

As guerras civis: Júlio César na Ulterior

A romanização do atual território português

Setembro 02, 2020

Um busto de Júlio César, Museu arqueológico de Turim, Itália

Júlio César assume o governo da Ulterior no ano 61 a.C. Por esta ocasião debatia-se com sérias carências financeiras.

unnamed.jpg

Júlio César deveria ter o seu quartel-general na região de Santarém, em Scallabis. 

exercitoromano2-2.jpg

César desencadeou um grande ataque aos lusitanos que habitavam nas serranias do interior entre Douro e Tejo. Conduziu também uma importante expedição naval até às costas da Galiza.

As guerras civis: a luta de Sertório

A Romanização do atual território português

Agosto 31, 2020

3aNhRe1m.jpg

Quitino Sertório

Nos inícios do século I a.C. agudizaram-se as oposições. De um lado estavam os chamados «populares» ou «democratas», chefiados por Gaio Mário; do outro, Lúcio Cornélio Sula chefiava o chamado «partido aristocrático», ou «conservador». Venceu os «democratas» em 82 a.C.

sertorio.gif

 

Quitino Sertório, um mariano, regressa à Hispânia e vai somando vitórias e alargando o seu domínio, até consolidar a estrutura do seu poder na Hiapânia.

A resistência sertoriana contribuiu mais poderosamente para a romanização da Hispânia do que várias décadas de poder provincial.

O grande objetivo dos partidários de Sertório era, de fato, tomar o Poder de Roma. Depois da morte de Sertório e derrota de Perperna (sertoriano), Pompeu, que levou a fama de haver vencido a guerra

Os antecedentes da conquista: a II Guerra Púnica

A romanização do atual território Português

Agosto 25, 2020

maxresdefault.jpg

Tratado do Ebro | 226 AEC | Cartagineses cedem toda a região do norte e não ultrapassam a região de Ebro

anibal-barca-busto-2.jpg

Aníbal Barca, novo comandante cartaginês. Processo expansionista.

original.jpg

Aníbal Barca cerca e conquista Sagunto em 219 AEC

Second_Punic_War_full-pt.svg.png

Cartagineses (Aníbal) vencidos em Tarráco

220px-Iter_Scipionis_ab_Tarraco_ad_Novam_Carthago_

General Públio Cornélio Cipião toma Nova Cartago em 209 AEC

f0b5efe9b463e3f1e4b95a11901f3e34eca022ab_hq.jpg

Roma derrota Aníbal Barca no norte de áfrica. Batalha de Zama, 206 AEC

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub